Polarização em Campina

Polarização em Campina

Por Nonato Guedes

A despeito de haver um candidato do partido e do esquema do governador Ricardo Coutinho na disputa pela prefeitura de Campina Grande – o deputado Adriano Galdino, que é atual presidente da Assembleia Legislativa – a tendência, conforme os analistas políticos, é de polarização entre o atual prefeito Romero Rodrigues (PSDB), apoiado por Cássio Cunha Lima, e o deputado federal Veneziano Vital, do PMDB, prefeito por duas vezes da Rainha da Borborema. Adriano Galdino não passa recibo da polarização e garante que vai surpreender no prélio. Ele tem como trunfo maior o próprio governador, que vem procurando investir em Campina Grande de modo a contrabalançar as ações da gestão de Romero Rodrigues.

Ricardo, ao mesmo tempo, assegurou que terá participação ativa na campanha em Campina Grande e mostra-se interessado em utilizar o palanque para fixar comparação com o que o que Romero diz ter realizado na cidade e com ações de impacto realizadas pela administração estadual. O senador Cássio Cunha Lima afirma que não teme, pelo contrário, até deseja, a comparação pretendida pelo governador, seu atual adversário político. Para Cássio, ficará demonstrado que a gestão de Coutinho discriminou a população de Campina Grande em virtude da divergência política com o grupo que o tucano lidera. Os dois já foram aliados no passado, mas o trunfo é “paus”, como dizem os próprios adeptos.

O presidente Adriano Galdino salienta que em paralelo com as críticas que fará a lacunas da administração municipal em setores essenciais para a população de Campina Grande, formulará suas próprias propostas focadas em bandeiras viáveis e indispensáveis à expansão do processo de desenvolvimento sócio-econômico da segunda maior cidade do Estado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *