Governador acusa oposição de falta de conteúdo e de investir em política familiar

O governador Ricardo Coutinho (PSB), em desabafo feito no Sistema Correio de Comunicação, acusou a oposição de falta de conteúdo e de ambicionar a conquista do governo do Estado com o único propósito de lotear ou dividir o poder com familiares e amigos. “As pessoas não se enganam e irão comparar o que tinham antes e o que há hoje na Paraíba. A nossa gestão trabalha e mostra os resultados, e é isto que irrita os adversários, desprovidos de conquistas a apresentar aos paraibanos”, alfinetou o gestor socialista.

Coutinho salientou que pelo fato de a oposição não ter um projeto político é que ele acredita e defende a eleição de um grande administrador, identificando esse nome no seu secretário de Recursos Hídricos e Infraestrutura, João Azevedo. Prosseguiu o governador: “Algumas pessoas que insistem em criticar a administração estadual tiveram a oportunidade de fazer e ainda não fizeram. O dinheiro na gestão deles não aparece para o povo. Isso tem um peso muito grande hoje e terá no dia da eleição”. Ele não poupou elogios ao trabalho desenvolvido pelo secretário João Azevedo, que tem compromisso, a seu ver, com o projeto de mudanças implementado a partir da sua ascensão ao Executivo estadual.

Ricardo esquivou-se de tecer comentários a respeito da crise detonada no MDB, onde a candidatura do senador José Maranhão está sendo questionada pelo vice-prefeito de João Pessoa, Manoel Júnior, que declarou apoio ao candidato do PSD, o prefeito Luciano Cartaxo. “Esse problema cabe ao MDB equacionar. Nós estamos focados em benefícios para o povo, como inaugurações de escolas técnicas, da primeira Escola Técnica de Artes, do Hospital Metropolitano e do Hospital do Câncer em Patos. Não vamos nos prender a discussões miúdas”.

Nonato Guedes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *