Governo Azevêdo anuncia recadastramento de servidores públicos

Governo Azevêdo anuncia recadastramento de servidores públicos

O governador João Azevêdo confirmou a realização de um recadastramento de todos os servidores públicos da Paraíba, para efeito de atualização de dados. O processo de atualização começa no dia primeiro e segue até o dia 30 de junho. Jacqueline Gusmão, secretária de Administração, alerta que a atualização cadastral não deve ser confundida com a “Prova de Vida” que vem sendo realizada junto ao Bradesco. Os servidores inativos e os pensionistas precisam participar das duas ações. Serão disponibilizados três formulários para o preenchimento ou edição: Dados Pessoais, Formações (onde serão informados cursos, etc), e Dependentes (cadastro de pessoas dependentes da renda do servidor).

Algumas informações, como mudança de nome e estado civil, terão de ser comprovadas documentalmente, acrescentou a secretária, pontuando: “É importante que o servidor faça a atualização dos dados nestes 30 dias por conta do limite legal, evitando o bloqueio do seu pagamento. É um processo fácil e rápido”. Todos os funcionários terão que se submeter a esse processo sob pena de ficarem sem salários. A portaria com a determinação a respeito foi publicada no Diário Oficial do Estado ontem e, segundo o governo, visa a atender às exigências do Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas – eSocial, do governo federal.

A atualização cadastral será feita pela internet na página paraiba.pb.gov.br, através do link “Atualização cadastral”. Não será necessário enfrentar filas e a pessoa poderá atualizar seus dados em casa, no trabalho, ou onde lhe convier. O governo do Estado disponibilizará um ambiente virtual de apoio ao servidor para tirar dúvidas, no qual será possível consultar informações explicativas, sobre pendências frequentes, bem como acessar vídeo tutorial sobre o preenchimento dos canais. Haverá, igualmente, um canal 0800 à disposição. Jacqueline Gusmão explicou que a última atualização cadastral ocorreu em 2003 e, no decorrer dos anos, muitos dados de servidores devem ter sofrido alterações, daí a necessidade de modernização, que tornará mais fácil a concessão de benefícios.

Nonato Guedes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *