Rodrigo Maia chega à Paraíba em campanha pela reeleição

Rodrigo Maia chega à Paraíba em campanha pela reeleição

Candidato à reeleição à presidência da Câmara Federal, o deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ) amanhece em João Pessoa nesta segunda-feira participando de um café na residência do deputado federal Efraim Filho para conversar com os membros eleitos da bancada federal do Estado. Embora pequena – apenas 12 deputados num colegiado de 512 – a bancada federal paraibana é uma das mais diversificadas do país por envolver nove partidos entre os doze eleitos. Além disso, como revela o colunista Edinho Magalhães, do “Correio da Paraíba” em Brasília, tornou-se uma das mais influentes do Congresso nos últimos quatro anos da atual legislatura, com quase todos os seus membros ocupando cargos de destaque nas lideranças partidárias, na Mesa Diretora e nas presidências de Comissões.

Já estão definidos pela candidatura de Rodrigo Maia na bancada paraibana os deputados reeleitos Efraim Filho (DEM), Hugo Motta (PRB), Wellington Roberto (PR) e Pedro Cunha Lima (PSDB). Dos recém-eleitos, Julian Lemos, do PSL, Ruy Carneiro e Edna Henriques, do PSDB, também seriam prováveis eleitores de Maia. As versões de bastidores políticos indicam, porém, que Rodrigo Maia se empenha para vencer resistências por parte dos deputados Damião Feliciano (PDT), Wilson Santiago (PTB), Gervásio Filho (PSB), Aguinaldo Ribeiro (PP) e até o Frei Anastácio Ribeiro, do PT.

As estimativas feitas em alguns círculos em Brasília sinalizam que Rodrigo Maia deve ter algo em torno de 239 votos distribuídos entre nove legendas distintas. Apesar desse percentual dar-lhe o favoritismo, não garante a definição da disputa em primeiro turno, o que exige esforço redobrado da parte do deputado pelo Rio. Depois do encontro agendado em João Pessoa, Rodrigo Maia viajará para Fortaleza, onde tem encontro marcado com a bancada cearense. O parlamentar já afirmou que não descansará enquanto não tiver assegurada a vantagem para se reeleger presidente da Câmara dos Deputados.

Nonato Guedes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *